segunda-feira, 27 de julho de 2009

A Garota e o Geek

Sábado à noite, 01:45AM e acabo de entrar em casa. Hoje, pela primeira vez, fui ao cinema sozinha. No mínimo, vocês devem estar pensando o que tem de errado comigo para eu ir ao cinema sozinha. Afinal, sou uma menina de 20 anos, bem bonita até e, em hipótese alguma, ir ao cinema sozinha seria uma opção aceitável para um sábado à noite, certo? Se eu estivesse solteira, era para eu estar numa boate tentando mudar a situação. E em um namoro normal, era para eu estar com meu namorado, fazendo algum programinha casal. Mas meu namorado não é normal. Meu namorado é um geek.

Um sábado feliz, pro meu namorado, é aquele em que ele acorda tarde, almoça quase na hora de jantar, liga o computador e se concentra no PvP. PvP, para quem não sabe, é quando uma legião de geeks, separados em dois times, caem na porrada – virtual, é claro. Já um cara normal pensaria em incluir aí, em algum lugar, levar a namorada para passear, e claro, sexo. Meu namorado? Bem, eu poderia me vestir de líder de torcida, de estudante safada, de enfermeira tarada, e ainda assim a resposta seria a mesma: “Peraê, amor, tô quase acabando aqui. O Warlock deu ultimate e agora meu healer tem que curar geral, sabe como é, se eu sair daqui, todo mundo morre”. E sabe o que é pior? O jogo é pago; eu não cobro...

Conheci meu namorado na faculdade. Ele era um dos meninos populares, zoava todo mundo e implicava muito comigo. Feito maternal, sabe, quando o menino puxa a trança da menina de quem gosta. Ele ficou ao meu lado quando passei por um término difícil e acabei me apaixonando por ele em seguida, sem saber como seria difícil namorar um geek...

Você pensa, “bem, geeks são caras necessitados, em sua maioria virgens, que adorariam ter uma namorada gostosa”. E eu digo “não”. Geeks existem em todas as idades, virgens ou não, e têm personalidades variadas. O meu geek consegue ser o mais complicado de todos, ele leva a coisa a sério. Volta do trabalho sempre muito cansado, querendo ir pra casa, com preguiça de me ver. Mas ainda assim consegue ficar acordado jogando até às 5AM naquele maldito computador. Gasta rios de dinheiro pagando pelas mensalidades dos jogos, mais os upgrades e os acessórios e etc... E se compra uma rosa para mim por ano já é muito. Jantares românticos? Nunca. Cartões fofinhos? Só em datas comemorativas.

E para excitar meu namorado? Só usando linguagem geek. “Amor, que tal acordar seu mago para ele me curar todinha, hein?” Depois de umas provocações, “WoW, ta sentindo a mana, ta?, meu guerreiro poderoso!”. Se nada disso der certo, você pode sempre desistir do sexo e partir pra um “Dotinha”...

Como um menino como ele prende uma menina como eu? Quando ele não está jogando, juro, ele é um namorado normal, carinhoso, engraçado, divertido e especial. Em certos momentos, eu sinceramente chego a pensar que eu devo ser maluca em ter um namorado que só consegue ser bom quando a rede ‘tá down... Mas aí eu me lembro como o Bill Gates era geek aos 20 anos, como o Steve Jobs era geek aos 20 anos... E daí penso, “bem, que mal tem esperar mais uns anos?”

7 comentários. Comente também!:

Allan Machado disse...

UAShushAUShUAShUShUAS !!!!
Linguagem geek RULZ ! xD
Ri litros come sse texto!
Fikadika: desiste nao !
lol

Yasmin Thayná disse...

Anna, muito bom o seu texto.
Eu ri com as suas tentativas de reanimar o seu "Geek".
É um namoro exótico.
beijos!

M.agic_Words disse...

Bom, que namoro estranho em ?! haha, mais pelo penos se algo lhe prende a ele deve ser pq ele te ama muuito, ou algo assim... enfim. Muito bom o texto, e sorte mais ainda aê no seu namoro! kk, espero sua visita!

Alexandre Prestes disse...

gostei do blog, voltarei mais vezes, um beijo, Ale

Anônimo disse...

Enquanto lia fiquei realmente espantado com seu gosto para namorados,(hahaha)eu sinceramente duvido que você aceitaria numa boa um cara que te deixasse de lado para matar algum balão...digo, monstro do WoW!!
No final quando vi FICÇÃO dei risada, só podia ser mesmo!

Você escreve muito bem Ana, a sua história me fez imaginar cada detalhe escrito, parabéns e feliz aniversário de novo. ;)


Breno

Luis Morais disse...

Muito Bom Parabéns...

http://www.luigimorais.blogspot.com

Veja meu blog tb...

Paulo disse...

AI ai... hehehe